Ouça na sua plataforma preferida!
Média

0

10 baseada em 0 votos.
Avalie:
Você ainda não votou.
Aguarde...

Faça o login para votar.

Esta página ainda está sendo preenchida. Encontrou algum erro ou quer nos ajudar a preenchê-la? Manda um salve!

Letra da música SOPA

[Intro: diálogo]
—Boa tarde, delegada
—Quem?
—Desculpa, doutora, eu sou [?]
—Sim
—O meliante tá preso aí
—Traz o indivíduo que eu vou falar com ele
—Ok, vamo lá ô vagabundo

[Verso 1]
Altos acontecimentos, aborrecimentos, alegrias
Bebê boiando, bêbado burlou bebida
Boteco bombado, biblioteca, bijuteria
Boato bombástico
Confusão, calmaria
Condutor da Doblô dublê dourada estacionou e foi
Fita feia, fez fila, fritou família, ficha
Fatura, fogo, faísca, fumaça, festa, folia, festejo, faxina, fatia
Fome fez franquia, fiz figa, fiz freela
Formei facu filosofia, GOG, guru, guia
Homem honrar hombridade, hilário
Há honraria, honrar instinto igualitário
Jogar jogo julgando, jogral, jaula jogaram Jamal
Kunta Kinte, KKK, Klu Klux Klan, KKK
King, Leão, Luther levantou lutou lá
Lélia, Luíza Mahin, Mãe Menininha, marchar
Malcolm, Mandela moveram multidões
Modificaram mentes, maestros, mestrões
Navio negreiro, nevoeiro, naufragou
Negros, ouro, óbitos, oceano ocultou
Português, papagaio pirata, pensamento primata
Quantos quilombos?
Quantas quebradas?
Qualquer roupa rasgada, surrada serve
Serve sopa, toma tio, toma toda
Uau, união universal vejo
Vi vendaval varrer vilarejo
Viatura vaga, vila, verde, vingança
Viu viciado, vishi, vilão, vizinhança
Xerife xingou, xilindró, xô
Xilogravura, xodó, Xamã, Xangô
Whitney, ye, yo
Yankies? Zorro zoou
Zanzibar, Zumbi, Zambi, zelador

[Outro: diálogo]
—Posso algemar, conduzi-lo?
—Libera o rapaz. Tá liberado
—Que sorte, hein, ladrão. Sorte, hein
—Seguinte, é, quero… cadê meu chapéu?
—Chapéu?
—Meu chapéu ficou aí na hora que eu dei a entrada
—Pois, vaza

O que você achou de SOPA?