Ouça na sua plataforma preferida!
    Média

    0

    10 baseada em 0 votos.
    Avalie:
    Você ainda não votou.
    Aguarde...

    Faça o login para votar.

    Esta página ainda está sendo preenchida. Encontrou algum erro ou quer nos ajudar a preenchê-la? Manda um salve!

    Letra da música Quem Espera Não Alcança

    Um grito ecoa estilhaçando a madrugada
    E lança farpas, para os seus olhos cegar
    Os olhos de quem não quer enxergar
    O que acontece a um palmo do próprio nariz
    Sem ficar sentado esperando por um final feliz
    Nessa farça que o nosso país representa

    Com a ajuda de quem cala e se contenta
    Enquanto os ratos no poder nos tomam tudo
    Exponha a sua opinião porque você não é mudo
    Lute por uma vida, não por conveniências
    Apesar da fome e da violência
    Que por ironia rima com consciência
    Hoje difícil de encontrar
    É preciso saber aceitar

    Quem espera só se cansa
    Não alcança nada além
    Quem espera só se cansa
    Não alcança nada
    Quem espera só se cansa
    Não alcança nada além
    Quem espera só se cansa
    Não alcança nada

    Os gritos dos filhos parecem nada aos pais
    Que não fazem por onde viver em paz
    Fugindo do dever de agir como cidadões
    Com direito de cobrar suas satisfações
    Aos grandes homens que nada fazem
    Mas dizem que trabalham
    Difícil é ver alguma obra real
    Pra quem vive no gueto

    Que mais e mais normal
    Não mudar e tortura
    A esperança cansada de esperar
    Por todo mundo
    Só acha que vai piorar

    Cruzando os braços novamente
    E calando a boca
    Fique esperto pois quem marca toca
    Acaba acostumado a fome e a violência
    Que por ironia rima com consciência
    É preciso saber aceitar

    Quem espera só se cansa
    Não alcança nada além
    Quem espera só se cansa
    Não alcança nada
    Quem espera só se cansa
    Não alcança nada além
    Quem espera só se cansa
    Não alcança nada

    Sobre Quem Espera Não Alcança

    A música Quem Espera Não Alcança, de Frank de Zeuxis, foi lançada no disco Peso Pesado, em 1992.

    O que você achou de Quem Espera Não Alcança?