Ouça na sua plataforma preferida!
Média

0

10 baseada em 0 votos.
Avalie:
Você ainda não votou.
Aguarde...

Faça o login para votar.

Esta página ainda está sendo preenchida. Encontrou algum erro ou quer nos ajudar a preenchê-la? Manda um salve!

Letra da música Intro Periférico 1

Eu não aguento mais carregar essa hipocrisia
Espero que minha voz não morra, mano
(Lógico que não)
Espero que você faça justiça, eu não ‘teja nem aqui pra ver, mano
‘Cê entendeu?
Mas é o nordestino, que é refugiado dentro de seu próprio país, mano
É o homem, o cidadão de bem, que é refugiado dentro de seu próprio país, mano
(É quente)
‘Cê entendeu?
Eu vi aqueles refugiados lá, eu me senti refugiado dentro do nosso próprio país
Dentro de minha própria pátria, mano
Fugindo da seca, da caatinga pra chegar em São Paulo, mano
Chegar em São Paulo e continuar preso da mesma forma, tio
‘Cê entendeu?
Então não adianta Hilux, não adianta XT
Vai vir outro pior que eu
(É quente)
Sabe por que?
Porque eles não dão cidadania
Um país que não alojou seus próprios cidadão quer alojar quem, Brasil?

O que você achou de Intro Periférico 1?