Ouça na sua plataforma preferida!
Média

0

10 baseada em 0 votos.
Avalie:
Você ainda não votou.
Aguarde...

Faça o login para votar.

Esta página ainda está sendo preenchida. Encontrou algum erro ou quer nos ajudar a preenchê-la? Manda um salve!

Letra da música Luto No Congresso

Eram 3 pretos de favela, agora 4
Cada um uma escola
Vê 4 caras uma proposta, você entende
Preste atenção, eu já tô cheio até a tampa
O mesmo aluguel, discursos no papel
Aparecem, somem, às nossas custas comem
Aparecem somem, merecem corretivo daqui pra frente…
Um recesso luto no congresso, o povo réu confesso
Absolvido pela mesa, agiu em legítima defesa
Bombardeio, terrorismo, rebeldia morte aos parasitas da periferia…

(refrão)
“…chega, chega basta dessa palhaçada dessa farsa…”
Mau político pra mim,
Tem que morrer, tem que morrer.(4x)

Sou rancoroso e tô nervoso
Cheio de razão e de cabeça quente
Minha tomada é quente
Vejo o futuro do brasil na minha frente, surpreendente
Pele escura, com fome, sem dente, é mesmo um cúmulo
Viva o moço morto-vivo segue seu rumo, rumo ao túmulo
“É cumpadi, rumo ao túmulo”
A trajetória do cortejo foi interrompida
Um abraço, um carinho, um prato de comida
Os moleques agora estão nas ruas desafiando cães, sistema, viaturas
O revide se aproxima aos poucos escoriações
E hematomas pelo corpo dos traidores será pouco, pareço um louco…

(refrão 4x)

GOG saiu na pole, Dino Black não aliviou
E eu também não vou dar mole
Se você não tem, pode crer, alguém tirou
É mentira o papo que você falhou
Não foi só isso e o incentivo,
Acesso aos livros, salário digno tem,
Veja bem, tudo isso eles têm
Cavam nossas covas dizendo amém
Brasília, Brasil a 2 anos do ano 2000
Explode a revolta, reviravolta, o moleque cheira cola,
Se recupera e lidera a virada do jogo
E no golpe de mestre decreta o extermínio da peste.
É! Pedidos de desculpas ao povo são formalizados
Que se vê indenizado e o local de ação dos corruptos, estúpidos
É transformado por decreto num banheiro público…

(refrão 4x)

O que você achou de Luto No Congresso?